Lembrete pra começar o ano com o pé direito 2 comentários


O começo de tudo

2012 foi o melhor ano da minha vida e dificilmente qualquer outro ano superaria esse show de descobertas. Me convenci que seria impossível e então criei impossibilidades. Me ceguei diante de um orgulho que futuramente só me trouxe prejuízos.

Desde então a meta de todos os anos era descobrir o novo ano da minha vida. Bulshit! Os anos não são iguais, as pessoas também não e a vida muda. Eu demorei pra entender que precisava mudar tudo em mim para que as coisas fossem diferentes – pelo menos um pouquinho.

No fim de 2016 fiz uma oração sagrada onde entregava todo meu ser a vida. Daquelas [orações] características às almas desesperadas que no último suspiro decidem confiar na vida e se apegar a sabedoria da existência. Era pegar ou largar!

Então 2017 chegou derrubando todas as certezas e sacudiu meu mundo. Como tudo poderia dar tão errado e ainda sim eu estava de pé? Eu diria que aquela era pior fase da minha vida, fazendo coisas que nem em um milhão de anos eu escolheria. Mas era preciso. Eu cresci. Aprendi. Me moldei. E hoje entendo que nem sempre os melhores anos da vida vem embrulhados em papel de presente. Às vezes eles chegam disfarçados de furacão, fazem bagunça e te deixam catando tudo o que foi revirado.

É aí que moram os aprendizados que mudam o nosso futuro, que nos fazem tomar decisões acertadas.

Pra começar o ano com o pé direito a gente tem que estar com o coração aberto para o que vier e abraçar os desafios com coragem. Porque no fim, eles se tornam os melhores anos das nossas vidas.

Créditos: Imagens retiradas do tumblr.

Beeeeijos e até a próxima! 😉


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 thoughts on “Lembrete pra começar o ano com o pé direito

  • Helen Muniz

    Simplesmente lindo!
    Realmente, 2017 foi um ano que me assustou muito.
    “Como tudo poderia dar tão errado e ainda sim eu estava de pé?”
    Mas sabe, por mais difícil que tenha sido, não trocaria 2017 por nada.

    • Nattany Martins Autor do post

      Exatamente Helen! 2017 foi difícil e ao mesmo tempo inacreditável.
      Completamente essencial para o aprendizado. E eu senti todo mundo falando a mesma coisa a respeito de 2017.
      Espero que 2018 nos traga a generosidade necessária.

      Beeeijos e até a próxima!
      Nattany Martins